Anti C1Q, Anticorpos, soro

Orientações necessárias

Este exame não necessita de preparo

Processamento e adequação da amostra

- Aguardar 30 minutos - Centrifugar a 3000 rpm por 10 minutos a 18ºC - Não aliquotar - Enviar a seção em temperatura ambiente - Volume ideal: 1 mL; volume mínimo: 0,5 mL. ESTABILIDADE DA AMOSTRA: - Temperatura ambiente: 8 horas; - Refrigerada (2-8ºC): 7 dias; - Congelada (-20ºC): 3 meses.

Método

Ensaio imunoenzimático (ELISA)

Valor de referência

NÃO REAGENTE: 9 U/mL REAGENTE: maior ou igual a 10 U/mL

Interpretação e comentários

Autoanticorpos anti-C1q têm sido descritos no LES e em algumas outras doenças inflamatórias, incluindo urticária-vasculite, doença mista do tecido conjuntivo e hepatite C. São descritos em baixa frequência e baixos títulos em indivíduos normais, aumentando com a idade. Vários estudos têm mostrado associação entre anticorpos anti-C1q e atividade de nefrite lúpica. Alguns autores propõe que seja um dos melhores marcadores de atividade renal e que a ausência de anti-C1q teria alto valor preditivo negativo para nefrite lúpica. Ademais, o anticorpo anti-C1q é considerado um critério sorológico importante no diagnóstico de urticária vasculite.

Cobertura de convênios

Para informações sobre cobertura de convênio, consulte nossa página de Convênios ou ligue para nossa Central de Atendimento pelo telefone: (21) 2266-8989

Preços e Pagamento Particular

A Clínica Felippe Mattoso oferece parcelamento em até 10x sem juros (parcela mínima de R$ 50,00).

Não possui cadastro? Cadastre-se já!

Entre em contato com a nossa Central de Atendimento e agende seu exame: 

(21) 2266-8989