Cobre, amostra isolada, urina

Outros nomes:

Cobre, amostra isolada de urina

Cobre em amostra isolada de urina

Interpretação e comentários

- Em condições normais, o fígado, pelo sistema biliar, é a maior via de excreção do cobre do organismo. - A dosagem desse elemento na urina contribui para o diagnóstico de doença de Wilson, cirrose biliar primária e colangite esclerosante primária, nas quais os níveis de cobre se apresentam elevados. No caso de avaliação ocupacional, a interpretação dos resultados fica a critério médico, já que não está determinado o Índice Biológico Máximo Permitido (IBPM), dependendo principalmente do histórico dos resultados.

Processamento e adequação da amostra

- Aliquotar 4 mL em 1 tubo plástico estéril com capacidade para 4 mL. - Enviar à seção, em temperatura ambiente. Estabilidade da amostra : Temperatura ambiente : 24 horas Refrigerada (2-8 ºC): 5 dias Congelada 2 semanas

Método

- Espectrofotometria de absorção atômica com forno de grafite.

Valor de referência

- Até 50 µg/g de creatinina.

Orientações necessárias

- Este exame não necessita de preparo.

Cobertura de convênios

Para informações sobre cobertura de convênio, consulte nossa página de Convênios ou ligue para nossa Central de Atendimento pelo telefone: (21) 2266-8989

Preços e Pagamento Particular

A Clínica Felippe Mattoso oferece parcelamento em até 10x sem juros (parcela mínima de R$ 50,00).

Não possui cadastro? Cadastre-se já!

Entre em contato com a nossa Central de Atendimento e agende seu exame: 

(21) 2266-8989