Microarray com plataforma Agilent, CGH+SNParray 180k, biópsia de vilo corial

Outros nomes:

microarray pré-natal

CGH-array pré-natal

Orientações necessárias

I Material Esse exame é realizado em biópsia de vilo corial colhido no Fleury. É necessário agendar a punção com antecedência. II Critérios de realização O exame é feito somente com solicitação médica. A biópsia de vilo corial precisa ser realizado entre a 11ª e a 14ª semana de gestação. Após a 14ª semana, o exame é efetuado somente com pedido médico do teste nesse período. O Fleury não faz a punção na vigência de sangramento. Menores de 18 anos devem estar acompanhadas de um adulto responsável no dia do exame. A cliente deve entregar no dia da coleta o Questionário preenchido e assinado por ela (obrigatório). Esse Questionário pode ser retirado em qualquer unidade ou solicitado por email para [email protected] (o email será respondido em até 48h) É necessário consultar a Central de Atendimento para verificar os dias e horários que o exame é realizado. Para mais informações sobre esta opção, acesse www.fleurygenomica.com.br/exames/MEDICINAFETAL/arraymefevc

Processamento e adequação da amostra

Encaminhar o material sob refrigeração, imediatamente à Distribuição (embalagem REF), junto com a receita médica, o Termo de Autorização e o questionário preenchido quando impressos e conferir se esses documentos (receita médica e questionário) estão digitalizados. Enviar ao setor CIGE, o mais rápido possível, sob refrigeração. Estabilidade da amostra: Temperatura ambiente: não aceitável; Refrigerada (28 ºC): 72 horas; Congelada (20 ºC): não aceitável.

Método

Plataforma de triagem genômica de alta resolução (Plataforma Agilent® CGH+SNP array 180K) com arranjo de sondas para detecção de variação do número de cópias (CNV) de segmentos genômicos maiores que 100 kb. Estuda, ainda, polimorfismos de nucleotídeo único (SNP) selecionados e é também capaz de identificar isodissomia uniparental e perda de heterozigosidade em regiões com mais de 10 Mb. Os dados analisados têm como base o genoma referência hg19. O teste não detecta baixas taxas de mosaicismo cromossômico, heterodissomia uniparental e alterações equilibradas, como inversões e translocações balanceadas.

Valor de referência

Ausência de variação no número de cópias genômicas

Interpretação e comentários

O CGHarray prénatal destinase à identificação de variação no número de cópias de regiões cromossômicas, em comparação a uma amostra referência, permitindo a detecção de aberrações numéricas e estruturais desequilibradas, totais e parciais. Esse exame está principalmente indicado para casos de idade materna avançada, filho anterior com anomalia cromossômica ou malformações, abortamento habitual, anormalidades detectadas à ultrasonografia, alteração nos testes séricos maternos e atraso de crescimento intrauterino, entre outras situações.

Cobertura de convênios

Para informações sobre cobertura de convênio, consulte nossa página de Convênios ou ligue para nossa Central de Atendimento pelo telefone: (21) 2266-8989

Preços e Pagamento Particular

A Clínica Felippe Mattoso oferece parcelamento em até 10x sem juros (parcela mínima de R$ 50,00).

Não possui cadastro? Cadastre-se já!

Entre em contato com a nossa Central de Atendimento e agende seu exame: 

(21) 2266-8989