Peptídeo Vasoativo Intestinal, plasma

Outros nomes:

COLERA PANCREATICA, VIP

DIARREIA AQUOSA, SEINDROME, VIP

INTESTINO, PEPTIDEO VASOATIVO

Peptídeo Vasoativo Intestinal

POLIPEPTIDEO VASO ATIVO INTESTINAL

VIP, POR RIE

VIPOMAS, TUMORES PRODUTORES DE VIP

Peptídeo Vasoativo Tipo B

Orientações necessárias

- Necessário jejum de no mínimo 8 horas. - Sugere-se não realizar o exame caso tenha recebido material radioativo recentemente.

Processamento e adequação da amostra

- Centrifugar IMEDIATAMENTE a 2200 g por 10 minutos a 4 ºC; - Aliquotar 1,5 mL de plasma em tubo de alíquota padrão; - Volume mínimo 1 mL - Congelar imediatamente e encaminhar ao LARI-LARN Serão rejeitadas amostras lipêmicas e/ou com hemólise. Estabilidade da amostra: Temperatura ambiente: Não aceitável Refrigerada (2-8 ºC): Não aceitável Congelada (-20 ºC): 90 dias. Amostras em temperatura ambiente e refrigeradas NÃO aceitáveis.

Método

: Radioimunoensaio.

Valor de referência

Inferior a 75 pg/mL.

Interpretação e comentários

- O peptídeo vasoativo intestinal (VIP) é um hormônio polipeptídico presente no plexo mioentérico e no tecido cerebral. Apresenta uma série complexa de ações fisiológicas que vão desde broncodilatação até secreção gastrointestinal de água e eletrólitos. A dosagem plasmática de VIP está indicada no diagnóstico e no acompanhamento de portadores de tumores produtores (vipomas), causadores da síndrome da diarréia aquosa ou da cólera pancreática.

Cobertura de convênios

Para informações sobre cobertura de convênio, consulte nossa página de Convênios ou ligue para nossa Central de Atendimento pelo telefone: (21) 2266-8989

Preços e Pagamento Particular

A Clínica Felippe Mattoso oferece parcelamento em até 10x sem juros (parcela mínima de R$ 50,00).

Não possui cadastro? Cadastre-se já!

Entre em contato com a nossa Central de Atendimento e agende seu exame: 

(21) 2266-8989