Pesquisa de mutações no exon 9, do gene da Calreticulina, Vários Materiais

Outros nomes:

CALR

Calreticulina

Mutações Calreticulina

Pesquisa de Mutações Calreticulina

Inserções e Deleções Calreticulina

Processamento e adequação da amostra

- Não manusear. - Enviar o material o mais rápido possível para a seção, refrigerado e com questionário. - Rejeitar amostras colhidas em heparina. - Não será aceito material enviado em seringa com agulha. Estabilidade da amostra: - Temperatura ambiente: não aceitável - Refrigerada (2-8 ºC): 72 horas - Congelada (-20 ºC): não aceitável

Orientações necessárias

I - Informações sobre o exame - Trata-se de uma pesquisa de mutações no éxon 9 do gene da calreticulina (CALR). - O teste está indicado para neoplasias mieloproliferativas crônicas, sobretudo trombocitemia essencial, mielofibrose primária e fase fibrótica pós-trombocitêmica ou policitêmica, especialmente para os pacientes que apresentarem resultado negativo para a busca de mutações nos genes JAK2 e MPL. II - Material - A análise pode ser realizada em amostras de sangue periférico ou de medula óssea, a critério médico, colhidas ou não no Fleury. - Caso a coleta de medula óssea vá ser feita no Fleury, o cliente precisa agendar o procedimento previamente. III - Material enviado - A amostra deve ser mantida sob refrigeração e entregue até 72 horas após a coleta. - O Fleury não aceita materiais enviados em seringa com agulha.

Método

- Análise de fragmentos por eletroforese capilar da região codificante do exon 9 do gene CALR.

Valor de referência

- Ausência de mutações.

Interpretação e comentários

- O exame é útil na investigação de pacientes que apresentam suspeita de trombocitemia essencial e mielofibrose primária. Deve ser preferencialmente realizado após a avaliação da presença da mutação nos genes JAK2 e MPL. - O teste analisa fragmentos por eletroforese capilar da região codificante do éxon 9 do gene CALR, por eletroforese capilar, assim como suas regiões flanqueadoras. As mutações identificadas são confrontadas com o banco de dados do Catalogue of Somatic Mutations in Cancer (Cosmic) e o laudo traz o relato daquelas consideradas clinicamente significativas. - Assim, o exame permite identificar mutações que estejam presentes em, pelo menos, 20% dos alelos da amostra. - A ausência de mutações no éxon 9 não exclui a possibilidade de identificação de mutação em outras regiões desse gene, tampouco afasta a presença de neoplasias mieloproliferativas ou outras neoplasias hematológicas.

Cobertura de convênios

Para informações sobre cobertura de convênio, consulte nossa página de Convênios ou ligue para nossa Central de Atendimento pelo telefone: (21) 2266-8989

Preços e Pagamento Particular

A Clínica Felippe Mattoso oferece parcelamento em até 10x sem juros (parcela mínima de R$ 50,00).

Não possui cadastro? Cadastre-se já!

Entre em contato com a nossa Central de Atendimento e agende seu exame: 

(21) 2266-8989